SUMÁRIO


Por em 29 de março de 2022

Como escolher a plataforma de e-commerce ideal para o seu negócio?

Você sabe como escolher a plataforma de e-commerce ideal para o seu negócio? Mais do que isso, compreende a importância de ser o seu próprio comércio eletrônico e fazer as suas vendas por esse canal? 

Acredite: fazer compras via e-commerce ou mobile commerce é uma tendência que já vinha crescendo nos últimos anos e que, de 2020 para cá, tornou-se ainda mais forte. E é esperado que a adesão a essa nova forma de consumo cresça ainda mais. 

Isso acontece porque as pessoas estão cada vez mais familiarizadas com as compras feitas de forma digital. Além disso, conforme o tempo passa, são desenvolvidas tecnologias que fazem com que as compras online sejam ainda mais práticas, acessíveis, seguras e de qualidade.

Entretanto, antes de prosseguir, vale ressaltar que o aumento das vendas via e-commerce não significa o fim das vendas físicas

Na verdade, o que acontece é a necessidade das empresas estarem presentes tanto no ambiente físico quanto no virtual. Mais do que isso, a necessidade de oferecer uma experiência integrada e positiva para os clientes em ambos os canais.

Dito isso, é hora de entender um pouco mais sobre o e-commerce no cenário atual e, é claro, entender o que você pode fazer para encontrar a melhor plataforma de e-commerce para o seu negócio. 

– Confira também: Integração do varejo físico com o digital: qual a importância e como fazer?

Panorama do e-commerce no Brasil e no mundo

Pois bem, não é segredo para ninguém que o e-commerce está em alta. Prova disso são os diversos estudos recentes que mostram números crescentes do uso da plataforma de e-commerce no Brasil e no mundo. 

Por exemplo, segundo a 44ª edição do Webshoppers, o mais amplo relatório sobre comércio eletrônico do país elaborado pela Ebit | Nielsen, foi constatado que o e-commerce no Brasil bateu recorde de vendas no primeiro semestre de 2021, atingindo R$ 53,4 bilhões, crescimento de 31% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Já a Salesforce revelou em pesquisa que a interação dos consumidores com as empresas passou a ser feita 60% de maneira online e 40% de forma online, reforçando o que dissemos anteriormente, ou seja, a importância de integrar os canais físicos e digitais do seu negócio.

Ademais, de acordo com a Supermarket News, em 2020, 52% dos consumidores disseram ter comprado produtos de supermercado online e 62,5% pretendem fazê-lo, em comparação com 36,8% e 39,5%, respectivamente, no ano anterior.

Trouxemos esses dados aqui para você compreender um pouco mais sobre a importância de ter a sua própria plataforma de e-commerce e fazer suas vendas por esse canal.

– Para saber mais sobre o assunto, confira: O que é e-commerce? Guia definitivo sobre o e-commerce em 2022 

Importância de ter a sua plataforma de e-commerce 

Pois bem, acima você já pôde entender o principal motivo de ter o seu próprio e-commerce: os clientes estão comprando cada vez mais por esse canal. 

Entretanto, existem outras boas razões para você investir nessa inovação no seu negócio. Aqui vamos destacar algumas delas:

1. Mais conveniência para o cliente

O cliente deve ser sempre o foco do seu negócio. E o e-commerce te ajuda nessa missão.

Sem filas de espera para o caixa, sem preocupar-se com o deslocamento e com a facilidade de fazer as compras no conforto do lar – ou de qualquer lugar! Essas são algumas grandes vantagens que o e-commerce oferece para os consumidores. 

Isso significa que esse é um formato de vendas altamente conveniente e confortável para o cliente. Ou seja, mostra que a sua marca pensa no consumidor e busca solução para tornar a vida dele melhor. 

– Quer saber mais sobre como oferecer uma melhor experiência para o seu consumidor? Então confira: O que é customer experience? Entenda e aplique no seu negócio 

2. Mais um canal para vender e se relacionar com o consumidor

A plataforma de e-commerce é mais uma maneira de você estar sempre próximo do cliente. E, nesse caso, de estar literalmente na palma das mãos dos seus consumidores!

Entenda que o e-commerce não substitui os seus outros canais de comunicação, mas sim funciona como mais uma ferramenta para você marcar presença na vida do cliente e aproximar o seu relacionamento com ele. 

– Leia também: Como fidelizar o cliente no e-commerce? Veja 7 dicas para seu negócio 

3. Atrair novos clientes para a sua loja

Com o seu próprio e-commerce, você passará a atender um maior público. Afinal, será possível vender para pessoas que não vão até o seu ponto de venda físico.

Ademais, o e-commerce também pode te ajudar a “roubar” clientes daqueles concorrentes que ainda não aderiram à digitalização do varejo. 

Por outro lado, se você não tem o seu próprio e-commerce e os seus concorrentes sim, é possível que eles já estejam “abocanhando” uma parcela do seu público e você nem ficou sabendo.

4. Acompanhar as tendências de consumo

Por fim, mas não menos importante, ter a sua própria plataforma de e-commerce é importante para mostrar que a sua empresa é moderna. 

Ou seja, que ela está acompanhando as tendências de consumo atuais, que busca trazer boas soluções para o cliente e que entende que não é possível ficar “preso” no passado. 

– Para saber outros motivos importantes que farão você investir no seu próprio e-commerce, confira: E-commerce para supermercado: 5 motivos para criar o seu

Como escolher a plataforma de e-commerce ideal? 

Enfim, agora você já sabe mais sobre a importância de ter o seu próprio e-commerce. Mas como fazer para escolher a plataforma de e-commerce ideal para o seu negócio? Além disso, será que agora é o momento certo para você investir nessa digitalização? 

Pois bem, existem alguns cuidados que devem ser tomados e, é claro, pontos de atenção antes de contratar uma plataforma de e-commerce para o seu negócio.

Primeiramente, é claro, busque por uma empresa qualificada para desenvolver o seu e-commerce. Mais do que isso, priorize empresas que entendam o seu tipo de negócio. Ou seja, que tenham experiência em desenvolver e-commerces para supermercados e conheçam esse tipo de mercado

Ademais, é essencial garantir que o seu e-commerce tenha um site e/ou aplicativo de qualidade. Assim sendo, é preciso que a sua plataforma de e-commerce ofereça:

  • Design atraente;
  • Rapidez para carregar as páginas;
  • Imagens de boa qualidade;
  • Textos claros e sem erros gramaticais;
  • Navegação intuitiva;
  • Possibilidade de buscar pelos produtos desejados de forma prática;
  • Segurança para o cliente finalizar a compra sem receios.

Além disso, é importante cuidar da parte além da compra. 

Ou seja, após a transação, o seu supermercado precisa garantir a entrega adequada e segura para o cliente – ou, caso ele opte por buscar as compras na loja, elas devem estar disponíveis conforme o combinado.

E então, será que o seu varejo está preparado para ter a sua própria plataforma de e-commerce? Nós podemos te ajudar a descobrir isso! Acesse esse link, preencha o formulário, faça um diagnóstico gratuito do seu comércio e descubra se é hora de implementar o e-commerce na sua estratégia de negócios!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Daniela Hendler

Jornalista graduada pela PUC-PR. Analista de Marketing com foco em produção de conteúdo estratégico na Mercafacil. Tem alguma sugestão de conteúdo que gostaria de ver por aqui? Envie para [email protected]