SUMÁRIO


Por em 18 de março de 2021

Prevenção de perdas no hortifrúti: 7 dicas valiosas para seu supermercado

Saber como atuar em prol da prevenção de perdas no hortifrúti pode fazer toda a diferença no faturamento do seu supermercado. Ainda, essa é uma ação que colabora para um mundo mais sustentável, pois evita que sejam descartados alimentos que, se tivessem sido manuseados com maior cuidado, poderiam ser consumidos.

De acordo com informações da Hortifruti Brasil, o hortifruti pode ser responsável por 10% a 20% do faturamento de um supermercado de varejo. Entretanto, segundo dados da FAO/ONU divulgados na Hortifruti Brasil, anualmente, 1,3 bilhão de toneladas de alimentos são perdidos ou desperdiçados na cadeia de alimentos, o que corresponde a 30% do produzido no mundo. E o segmento de FLV (frutas, legumes e verduras) é o líder das perdas.

Mas então… Como evitar esse problema e atuar corretamente na prevenção de perdas no hortifrúti? Separamos aqui algumas dicas que podem te ajudar nessa missão. Acompanhe! 

Prevenção de perdas no hortifrúti: 7 ações para colocar em prática o quanto antes

1. Descarte produtos estragados 

A ideia é atuar na prevenção de perdas no hortifrúti. Porém, quando você se deparar com produtos que já estão claramente estragados, o ideal é descartá-los rapidamente antes que eles contaminem demais mercadorias que estão em bom estado. Esse deve ser um cuidado frequente, feito sempre antes da reposição dos alimentos.

2. Fique atento ao carregamento

O carregamento de hortifrúti está para chegar? Então é hora de preparar a sua equipe para conferir com atenção se os alimentos FLV estão de acordo com o padrão.

Atenção para a quantidade, integridade, qualidade e maturação dos alimentos. Esse cuidado logo na chegada do carregamento facilitará na hora de selecionar quais produtos devem ser expostos antes. Isso favorece a saída rápida deles e, assim, evita o desperdício demasiado. 

3. Transporte, armazene e manuseie corretamente os produtos 

Outro ponto importante na prevenção de perdas no hortifrúti é investir em bons equipamentos em todas as etapas que envolvem o transporte, armazenamento e manuseio dos alimentos.

Além de contar com bons fornecedores (tanto do setor de hortifrúti quanto dos demais) para o seu varejo, lembre-se de que os insumos de FLV devem ser transportados e armazenados na temperatura ideal, normalmente entre 10º C e 12º C, com umidade do ar entre 85% e 90%.

Ademais, sempre que for feita a reposição das mercadorias, tome bastante cuidado com o posicionamento e manuseio dos alimentos. Pegue eles sempre com cuidado e coloque cuidadosamente sobre a banca. Um pequeno descuido nessa hora pode estragar os insumos e, assim, trazer prejuízos para o seu supermercado. 

4. Compre a quantidade ideal de produtos – evitando que eles faltem ou encalhem

Outra forma de atuar na prevenção de perdas no hortifrúti é saber exatamente a quantidade ideal de produtos a serem comprados. Neste cenário, contar com um bom software de gestão de clientes, que tenha todo o seu histórico de vendas, pode fazer muita diferença.

Com essa ferramenta, você passa a saber, por meio de números:

  • Quais são os seus produtos mais vendidos;
  • As épocas do ano em que eles saem mais;
  • Quem são os clientes que mais compram eles, entre outros.

Assim, terá maior conhecimento para garantir o estoque que seja o mais próximo possível do ideal. 

Ainda falando em controle de estoque, lembre-se de usar o método PEPS (primeiro que entra, primeiro que sai). Ou seja, expor primeiramente os produtos mais maduros, permitindo que eles sejam adquiridos pelos seus clientes com mais rapidez. 

5. Faça promoções dos produtos certos e tenha mais sucesso na prevenção de perdas no hortifrúti 

Fazer promoções dos produtos certos vai além de abaixar o preço dos alimentos que estejam mais maduros e/ou com ferimentos na casca. Essa é uma ação válida e importante, mas evite prender-se somente a ela.

Dedicar um dia da semana para fazer ofertas gerais do setor de FLV, – como, por exemplo, a “Terça do Hortifruti” ou “Quarta Verde” – é algo que pode fazer bem para o seu supermercado e, também, atrair os clientes que desejam “fazer a feira” ali mesmo. Nesse tipo de ação você pode abaixar o preço de todos os produtos do setor ou, então, selecionar aqueles que estarão mais em conta no dia, mudando-os a cada semana.

Além disso, se você já tem e utiliza um software de gestão de clientes, você terá mais assertividade na hora de fazer promoções no seu supermercado. Afinal, saberá quais são os produtos preferidos dos seus consumidores e poderá criar boas campanhas segmentadas diretamente para eles. 

Para isso, basta filtrar no software os clientes que adquiriram produtos do hortifrúti do seu supermercado no último mês e mandar encartes/ofertas exclusivas para eles. Como eles já costumam adquirir esses tipos de insumos no seu supermercado, a chance de eles passarem novamente na sua loja é muito maior!

6. Reaproveite alimentos e transforme-os em outros produtos 

Quando alguns alimentos do hortifruti já estão em processo de amadurecimento elevado e há a chance de perda, uma boa solução é transformá-lo em outro alimento. Um bom exemplo que vemos disso em outro setor é o dos pães que são transformados em torrada. Mas… Quais produtos do hortifrúti permitem essa “transformação”?

Em seu podcast, Leandro Rosadas, especialista em Supermercados, dá a dica de reaproveitar o tomate e transformá-lo em tomate seco. Porém, além do tomate, é possível aproveitar diversas frutas e, também, transformá-las em geleia.

Essa é uma excelente forma de lidar com a prevenção de perdas no hortifrúti. Afinal, além de evitar a perda dos produtos, você ainda cria algo novo, com valor agregado. Esse pode ser um grande diferencial do seu varejo frente a concorrência. 

7. Tenha uma equipe bem treinada

Por fim, mas não menos importante: para acertar em cheio na prevenção de perdas no hortifrúti é fundamental ter uma equipe bem treinada e engajada. Os profissionais que atuam neste setor precisam conhecer e lidar muito bem com as diferenças de cada alimento. Devem saber como manipulá-los e posicionados de maneira adequada, garantindo que os mais maduros fiquem à frente dos demais.

Além disso, há todo o cuidado com o empilhamento dos alimentos nos cestos, gôndolas ou prateleiras. Ele deve ser feito com calma e atenção, evitando a perda estética, a fissura e/ou o esmagamento dos alimentos.

Os profissionais devem limpar as bancas antes de colocar os produtos de hortifrúti. Verificar se há pedaços de mercadoria velha, cascas de frutas/verduras/legumes, folhas murchas ou outro tipo de sujeira. Esse cuidado evita que as mercadorias em boa qualidade sejam contaminadas e, ainda, ajuda a manter a estética do setor FLV em dia.

Faça a prevenção de perdas no hortifrúti com maestria! 

Com todas essas dicas, o seu supermercado está, com certeza, mais preparado para atuar de forma mais certeira na prevenção de perdas no hortifrúti, certo? Lembre-se que esse é um cuidado constante, que deve ser tomado todos os dias.

Ademais, se você tem dúvidas sobre como aplicar nossas sugestões de campanhas segmentadas e demais ações na sua loja, entre em contato conosco e saiba como podemos te ajudar a alavancar os resultados do seu supermercado e a auxiliar na prevenção de perdas no hortifrúti. 

Comentários

  1. Complementando este rico conteúdo com mais uma dica valiosa, sugiro a leitura deste post: https://blog.primetech.com.br/5-beneficios-da-microaspersao-em-ponto-de-venda-que-voce-deve-saber/

  2. Obrigada pela dica, Liliane!

  3. Andréia Magalhães disse:

    Dicas valiosas!

  4. Daniela Hendler disse:

    Obrigada, Andréia! Que bom que gostou das nossas dicas.
    Continue nos acompanhando por aqui para ficar sempre por dentro das novidades do varejo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Daniela Hendler

Jornalista graduada pela PUC-PR. Analista de Marketing com foco em produção de conteúdo estratégico na Mercafacil. Tem alguma sugestão de conteúdo que gostaria de ver por aqui? Envie para [email protected]