Vendas

Quais são e como decidir o modelo de oferta ideal para cada ação?

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Chegou a hora de alavancar as vendas e fazer aquelas campanhas promocionais imperdíveis, mas… Qual é o modelo de oferta ideal para cada caso?

Afinal, existem diversas formas de você preparar suas ações de desconto, certo? Aqui, vamos falar um pouco sobre várias delas e te dar sugestões sobre como tirar máximo proveito de cada uma dessas campanhas. Sempre, é claro, focando na melhor experiência possível para o seu cliente.

Ademais, vale ressaltar que cada empreendimento tem suas particularidades e clientes diferentes. Assim sendo, o importante é compreender os seus consumidores, testar modelos de ofertas distintos, aprender com os erros passados e, por fim, descobrir quais são as ações que trazem melhores resultados para a sua marca.

Para completar, lembre-se que você pode utilizar diversos tipos de ofertas. Ou  seja, elas não são excludentes, mas sim complementares. Acompanhe! 

Descobrindo o modelo de oferta ideal para o seu varejo

1. De tantos reais por por tantos reais (abaixar o preço e sinalizar isso)

Talvez esse não seja o tal do “modelo de oferta ideal” para o seu negócio, porém, com certeza, esse é um dos formatos de promoções mais utilizados. E, se isso acontece,é porque ele traz resultados para os varejistas.

Usado para sinalizar que o preço de certo produto baixou, esse formato de desconto deixa clara a queda de preço e estimula o consumidor a levar o produto, pois ele acredita que está economizando dinheiro.

Um ponto importante na hora de aplicar essa oferta no seu supermercado é: não utilizar informações falsas no preço anterior apenas para chamar a atenção. Esse “truque” pode funcionar uma vez ou outra, porém, caso o seu cliente perceba isso, sua marca poderá ficar mal falada para os consumidores. Ainda, essa atitude antiética pode prejudicar a sua credibilidade e reputação.

Ou seja: caso você opte por utilizar essa oferta, realmente ABAIXE O PREÇO do produto e deixe isso bem sinalizado na sua loja ou em seus canais digitais, ok?

2. Pague 3 leve 2

Esse modelo de oferta é indicado para quando o varejista deseja que o consumidor leve uma unidade a mais de certo produto. Essa promoção pode fazer diferença no ticket médio da compra e, ainda, oferecer uma satisfação para o cliente. Afinal, ele fica com a sensação de ter feito “um bom negócio”.

Uma dica que você pode seguir é aumentar um pouco (não de forma expressiva) o valor do preço da unidade caso o consumidor não leve a quantidade suficiente do produto e, assim, fazer com que a unidade em promoção custe menos do que o valor normal da loja.

Por exemplo: o produto unitário custa R$2,50. Levando três unidades, ao invés de você pagar R$7,50, você paga R$7,00. 

3. Clube de descontos / fidelidade 

Apesar de não existir uma verdade absoluta, esse pode ser considerado o modelo de oferta ideal para praticamente todas as lojas varejistas. Isso acontece porque, além de oferecer promoções exclusivas para os clientes da loja, o clube de descontos também ajuda a criar um vínculo da sua marca com os consumidores.

Isso tudo, ao mesmo tempo em que permite que o seu varejo passe a conhecer melhor os seus clientes. Afinal, para fazer parte do clube de fidelidade, o consumidor precisa oferecer dados básicos para o cadastro. Esses dados, quando bem utilizados pela sua marca, podem ajudar – e muito! – a fidelizar e a melhorar o relacionamento com os seus clientes.

Como se não bastasse, enquanto os demais formatos de ofertas costumam ser abertos ao público geral, o clube de descontos oferece a possibilidade de segmentação das promoções. Ele é um incentivo extra para que o cliente priorize a sua loja frente à concorrência e, também, estimula a compra de produtos diferentes para cada consumidor.

O clube de fidelidade é uma maneira de a sua loja recompensar os clientes fiéis. Além disso, logo ao final da compra, permite que o consumidor saiba quanto economizou em cada compra. Assim, esse modelo de oferta traz uma sensação de satisfação instantânea.

4. Preço de atacado a partir de X unidades

Outro modelo de oferta que pode ser utilizado pela sua loja é o de estimular o cliente a levar mais unidades do mesmo produto. Para isso, o seu varejo pode usar o preço de atacado como o chamariz. Assim, a partir da compra de mais unidades, cada uma sai pelo preço de atacado.

Por exemplo: cada latinha de refrigerante custa R$1,50. Porém, a partir de unidades, o preço unitário de cada latinha cai para R$ 1,30. Assim, ao invés de gastar R$7,50, o cliente irá gastar R$ 6,50.

Esse modelo de oferta incentiva o cliente a levar mais unidades do mesmo produto, sendo uma boa opção para quando ele está fazendo uma compra maior. Para acertar nos produtos que seguirão esse tipo de promoção, uma dica é deixá-lo em destaque na sua loja e em suas redes sociais. Também, optar por produtos que já são conhecidos e aprovados pelo seu cliente. 

Além disso, é importante fazer uma diminuição de preço que seja atrativa e realmente faça a diferença para público. 

5. Kit de produtos

Quando existem produtos que não estão vendendo muito bem e você precisa queimar o estoque, uma dica é montar kits. Ou seja, unir itens de melhor saída com aqueles que estão “empacando” no seu estoque.

Esses produtos de menor saída não irão sair de “de graça” para o consumidor, porém, terão um preço mais baixo e podem ser um atrativo. Assim, esse pode ser um modelo de oferta ideal para essas casos. 

Bônus: tipos de oferta para os canais virtuais

Ao falar do modelo de oferta ideal, também é importante citar uma modalidade de compras que está cada vez mais em alta, a de compras via virtuais.

Assim sendo, alguns tipos de ações promocionais que você pode fazer para os canais remotos são: 

Frete grátis 

Segundo o E-Commerce Radar a taxa média de abandono de carrinho no Brasil é de 82%. Enquanto isso, o Moosend, chegou a conclusão de que o principal fator que faz um cliente abandonar o seu carrinho de compras é o custo do frete.

O valor do frete é responsável por 60% das desistências enquanto os outros custos “escondidos”, que só são revelados no final da compra, somam 23% das desistências.

Assim sendo, se o seu varejo busca por encontrar o modelo ideal de oferta nas vendas remotas, pode ser importante buscar formas de oferecer frete grátis ou de, pelo menos, minimizar esse valor. Esse cuidado pode representar uma grande diferença para o seu cliente fechar a compra.

Fazendo seu pedido até tal hora, você ganha algo 

Essa é uma forma de você ter um maior controle das compras que serão feitas no dia e, também, uma forma de conseguir se organizar melhor para fazer a separação e/ou a entrega dos produtos. Além do mais, pode ser um diferencial para estimular o cliente a efetivamente fechar a compra.

Por exemplo: se o cliente fizer o pedido – seja via WhatsApp, televendas ou e-commerce próprio, – até às 15h, ele receberá um brinde exclusivo ou um valor de desconto.

Colocando em prática o modelo de oferta ideal!

Por fim, seja qual for o modelo de oferta ideal – ou os modelos – que você irá aplicar no seu negócio, é muito importante que você divulgue bem essas promoções.

Se elas forem para o público geral da sua loja, não hesite em sinalizar o estabelecimento, destacar esses produtos no encarte e, até mesmo, postar em suas redes sociais.

Entretanto, caso as ofertas sejam segmentadas para públicos específicos, use os canais de comunicação mais interpessoais, como o SMS, o WhatsApp e o e-mail para informar o seu cliente da ação que a sua loja está promovendo.

Como já dissemos lá no início do texto, não existe um modelo de oferta ideal que sirva para todos os negócios. Para descobrir as que funcionam melhor para o seu negócio, é muito importante que você esteja atento às métricas e dados das campanhas feitas pela sua marca. Somente assim você saberá efetivamente fizer o que funcionou e o que deve ser alterado nas próximas campanhas.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre as particularidades das campanhas promocionais? E que tal implementar um Clube de Descontos no seu varejo?  Agende  agora mesmo uma reunião gratuita com um dos nossos especialistas e saiba como a Mercafacil pode ser sua parceira nessa missão!

Jornalista graduada pela PUC-PR. Analista de Marketing com foco em produção de conteúdo estratégico na Mercafacil.

Write A Comment