Marketing

Ter os dados de clientes e não usá-los não adianta de nada

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

O uso de dados de clientes é uma tendência que chegou para ficar em vários segmentos de mercado. No varejo essa situação não é diferente e certamente ganhará cada vez mais relevância.

Na busca por entregar resultados melhores e desenvolver uma empresa os dados certamente podem ser de grande valor.

Além de servir como base para a criação de ações, podem contribuir na identificação de oportunidades.

Mesmo que a importância de possuir uma base de informações já seja bastante difundida nem todos as utilizam em suas estratégias.

Entenda como a utilização de dados de clientes podem tornar a sua estratégia de vendas mais eficiente em alguns passos.

O futuro do varejo com o uso de dados de clientes

Investir menos e ganhar mais seguramente é um cenário ideal para qualquer tipo de loja. Para que isso aconteça, um meio muito eficiente é utilizar táticas em que o cliente esteja no centro das ações.

A gestão de clientes, por exemplo, é uma estratégia que tem foco no cliente e já tem sido usada por muitos supermercadistas para aumentar as vendas.

Além dela, existem outros métodos que também dão ênfase na melhora da experiência de compra, com foco nos consumidores.

Mesmo que de maneiras diferentes, grande parte delas visa personalizar as ações para cada grupo de clientes, ou até mesmo para cada um deles.

As precursoras nesse tipo de método foram as lojas virtuais e esse foi um dos motivos para que elas se popularizassem.

Atualmente essa prática tem migrado para as lojas físicas, por conta das mudanças no comportamento de compra dos clientes.

Agora eles tem conhecimento de que é possível criar ações segmentadas e estão mais exigentes em relação a essa questão.

Além disso, o uso de dados chega ao varejo para torná-lo mais inteligente de maneira geral. Principalmente em questões operacionais, que por muito tempo foram realizadas a mão ou até mesmo em planilhas que demandam muito tempo.

Processos de automatização além de possuírem uma maior confiabilidade, otimizam o tempo dos colaboradores. Que agora podem investir o tempo em outros serviços em busca de atingir os objetivos da empresa.

Captação de dados de clientes e sua utilização

Para que você coloque em prática esse tipo de campanha segmentadas é preciso encontrar um forma de captar os dados. É nesse ponto que muitas estratégias falham e como consequência não atingem o sucesso planejado.

Isso acontece, pois as empresas criam uma forma de conseguir as informações, constroem uma base, mas não a utiliza na criação de ações.

É um raciocínio extremamente lógico. Não adianta você ter os dados de 95% das pessoas que compram no seu supermercado e não usar para nada.

Ter essas informações não garante o sucesso da estratégia e sozinhas elas realmente não podem fazer nada pela sua empresa.

Além disso, não faz sentido fazer um grande esforço na criação de um método de captação eficiente, para depois não usá-las para o que realmente importa, a criação de ações.

Os dados de clientes servem para te ajudar a identificar oportunidades que sua loja tem para vender mais, por exemplo. Ou então, melhorar o desempenho das suas campanhas nos fins de semana com segmentações. Não seria extremamente útil descobrir como fazer isso?

Essas são apenas algumas questões que você pode resolver com as informações dos seus consumidores. Mas que está deixando passar com elas guardadas e escondidas na sua base.

Se existem uma questão de você precisa lembrar sempre sobre o uso de dados é: não adianta nada ter dados e não realizar ações.

Estratégia mais consistente com o uso de dados de clientes

Os dados são sim muito importantes para te ajudar na criação de ações e melhorar seus resultados. As campanhas segmentadas são ótimos exemplos de eficiência, mas que precisam das informações dos consumidores para funcionarem.

Essas já são questões positivas o suficiente para que a sua loja passe a adotar uma tática com essa no planejamento de ações. Porém, existem outros pontos que uma análise de dados pode contribuir ainda mais para sua estratégia de vendas.

Fazer a avaliação das métricas da campanha que você criou pode melhorar cada vez mais seus ganhos, por exemplo.

Criar uma cultura no seu supermercado de mensuração de resultados certamente será de grande valor para sua estratégia.

Com ela você consegue aprender rapidamente o que deu e o que não deu certo e realizar ajustes rápidos para tornar as ações cada vez mais efetivas.

Então, mais do que usar os dados para criar ações, você pode usá-los para corrigi-las e até mesmo para repetir as que funcionaram.

Como a plataforma Mercafácil pode te ajudar na utilização de dados

Certamente você já conseguiu identificar a utilidade das informações dos consumidores para melhorar as vendas na sua loja.

Na prática para isso funcionar é simples, você precisa construir a sua base de clientes, identificar as compras deles, analisar os dados, criar as ações e mensurá-las.

Existem maneiras mais práticas e as mais trabalhosas para realizar esse trabalho. Usar uma plataforma como a da Mercafácil seguramente pode tornar esse processo mais fácil.

Isso acontece, pois você tem acesso a essas informações de uma maneira mais direta, visual e simplificada para o entendimento, mas sem perder o que realmente importa.

Algumas das páginas em que você pode ter acesso aos dados são: Segmentação e campanha.

Na página de segmentação, por exemplo, você pode agrupar os clientes com base em seus hábitos e frequência de consumo. As informações serão separadas como dados clientes – que são os dados da ficha cadastral – e dados de compra – que são os produtos presentes nos cupons dos clientes.

Além disso, você pode criar a sua própria segmentação de acordo com seus objetivos ou utilizar alguns modelos que já estão prontos.

Já em campanhas, você pode mensurar os resultados da ação e identificar se ela atingiu ou não os objetivos propostos.

Você terá acesso a dados de faturamento, ticket médio, número de clientes atraídos para a loja, entre outros aspectos. A análise deles certamente pode te mostrar o que repetir e as alterações para uma próxima ação.

Se ficou curioso para saber um pouco mais sobre a Mercafácil, você pode fazer uma demonstração do nosso software.

Vale lembrar que o uso de dados em um estratégia que funciona está diretamente ligado a recorrência.

Para saber mais sobre o assunto assista nosso Webinar Como usar informações de clientes para fazer campanhas que funcionam!

Responsável pela produção de conteúdo na Mercafácil.

Write A Comment